Sex, 23 de Fevereiro de 2018

Notícias

Novo Ligeirão Norte-Sul reduz tempo de trajeto pela metade e dá uso a obra finalizada em 2014

Foto: Nani Gois/SMCS (arquivo)

| 8/2/2018

Uma solução de transporte que Curitiba espera há quatro anos finalmente vai sair do papel. O Ligeirão Norte-Sul, em sua primeira etapa de funcionamento, deverá transportar 36 mil passageiros por dia com ganho de tempo na ligação entre o Terminal Santa Cândida e a estação Bento Viana, no Batel.

Além do tempo para cobrir o trajeto ser reduzido pela metade, o Ligeirão resultará em outros benefícios imediatos, como maior conforto aos usuários, reforço na integração com outras linhas nos terminais e o uso da chamada infraestrutura de ultrapassagem, ociosa desde a entrega das obras de desalinhamento das estações-tubo na pista exclusiva de ônibus, iniciadas em meados de 2011 e finalizadas em 2014 a um cuso de R$ 16 milhões.

O projeto para o funcionamento do primeiro trecho do Ligeirão Norte-Sul está em fase final de estudo pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc).

Com o funcionamento da linha, a estimativa é que as viagens no percurso entre os terminais desde o Norte da cidade ao Batel e vice-versa sejam até 20 minutos mais rápidas (metade do tempo atual), em comparação com o tempo gasto com a paradora Santa Cândida/Capão Raso.

O ganho de tempo ocorre porque o Ligeirão terá oito pontos de parada, enquanto a linha atual, que continuará em circulação, tem 16 no trajeto.

Na ligação do Norte no sentido Sul os ônibus farão o retorno vazios pelo sistema viário existente no entorno da Praça do Japão – a estrutura da praça continua exatamente a mesma da atual, sem nenhum prejuízo a este espaço público.

A Linha Direta fará o desembarque final na estação Bento Viana, o retorno pelo entorno da Praça do Japão e o embarque na estação do lado oposto com sentido ao Terminal Santa Cândida.

Temporária

Quando forem concluídas as obras para a ultrapassagem na canaleta no eixo sul, o Ligeirão deixará de retornar da Praça do Japão, seguindo ao Terminal Capão Raso ou Pinheirinho. A Prefeitura já conseguiu aprovar com a Caixa Econômica Federal cinco projetos, no total de R$ 15 milhões, para as obras de ultrapassagem nas estações Silva Jardim, Dom Pedro I, Morretes, Carlos Dietzsch (Igreja do Portão) e Itajubá.

Intervenções viárias

“Para o retorno da Linha estão previstas duas intervenções: uma para saída da canaleta próxima da Estação Bento Viana e um acesso de reentrada, situado pouco abaixo da Praça do Japão”, explica o arquiteto Fabiano Losso, da Coordenação de Transporte da Supervisão de Planejamento do Ippuc.

A primeira intervenção para permitir a operação da linha prevê a abertura em forma de “agulha” em uma extensão de 25 metros, no divisor de pista da canaleta, para incorporação do ônibus junto ao trafego da via lenta da Avenida 7 de Setembro – sentido Praça do Japão.

A segunda obra prevê a reabertura do antigo retorno para ônibus, abaixo do término do traçado da Praça, (lado Sul) numa extensão de 45 metros, permitindo a operação de retorno do ônibus à canaleta da Avenida Sete de Setembro. “Não haverá alteração na praça, nem relocação de equipamentos urbanos ou vagas de estacionamento/taxi”, reforça o arquiteto do Ippuc. Para que a linha possa operar, o sistema viário do entorno será compartilhado com os ônibus biarticulados.

O semáforo de travessia próximo a Rua Francisco Rocha será mantido, bem como, será instalada uma faixa de pedestres elevada na via lenta da Avenida 7 de Setembro – sentido Praça do Japão, nas imediações da estação Bento Viana visando a orientar o deslocamento de pedestres no entorno da estação.

Paradores

São duas as linhas paradoras de ônibus biarticulados que circulam pelos eixos da 7 de Setembro e República Argentina passando pela Praça do Japão:  a linha 203 (Santa Cândida-Capão Raso) e a 603 (Pinheirinho-Rui Barbosa).

Desde o Santa Cândida até a estação Bento Viana, no Batel, a linha paradora Santa Cândida-Capão Raso faz o embarque e desembarque de passageiros num intervalo médio de 500 e 500 metros – são 16 estações e três terminais (Boa Vista, Cabral e Central). Hoje, a linha paradora atende a 90 mil passageiros/dia neste trecho (Santa Cândida / Bento Viana).

Nesse itinerário, o Ligeirão terá oito pontos de parada nos terminais do Santa Cândida, Boa Vista, Cabral e nas estações Passeio Público, Central, Eufrásio Correa, Oswaldo Cruz e Bento Viana. A expectativa é que a linha direta absorva 40% da demanda da linha paradora.

Estrutural

O Setor Estrutural por onde circulam essas linhas é um marco do planejamento de Curitiba que pela integração do sistema viário, ao transporte público e ao uso do solo possibilitando acesso por meio de ônibus a casa, ao trabalho e ao lazer com tarifa integrada.

Implantado em 22 de setembro de 1974, o sistema de ônibus expresso foi copiado mundo afora ganhando o nome de Bus Rapid Transit (BRT).

A primeira linha de ônibus expresso na ligação sul-centro foi a Capão Raso-Passeio Público, que fazia o retorno na Praça 19 de Dezembro e tinha o terminal central na Barão do Rio Branco.

A primeira ligação com o norte da cidade por canaleta exclusiva foi feita pela linha Santa Cândida/Praça Rui Barbosa.

Hoje são seis eixos com 81 quilômetros de canaletas – outros dez quilômetros estão em construção, na Linha Verde Norte.

 

Leia também: Novo Ligeirão, que vai atender 36 mil passageiros por dia, não altera estrutura da Praça do Japão

Categoria: Transporte Coletivo

Arquivos

Fevereiro 2018
Janeiro 2018
Dezembro 2017
Novembro 2017
Outubro 2017
Setembro 2017
Agosto 2017
Julho 2017
Junho 2017
Maio 2017
Abril 2017
Março 2017
Fevereiro 2017
Janeiro 2017
Dezembro 2016
Novembro 2016
Junho 2016
Maio 2016
Abril 2016
Março 2016
Fevereiro 2016
Janeiro 2016
Dezembro 2015
Novembro 2015
Outubro 2015
Setembro 2015
Agosto 2015
Julho 2015
Junho 2015
Maio 2015
Abril 2015
Março 2015
Fevereiro 2015
Janeiro 2015
Dezembro 2014
Novembro 2014
Outubro 2014
Setembro 2014
Agosto 2014
Julho 2014
Junho 2014
Maio 2014
Abril 2014
Março 2014
Fevereiro 2014
Janeiro 2014
Dezembro 2013
Novembro 2013
Outubro 2013
Setembro 2013
Agosto 2013
Julho 2013
Junho 2013
Maio 2013
Abril 2013
Março 2013
Fevereiro 2013
Janeiro 2013
Dezembro 2012
Novembro 2012
Outubro 2012
Setembro 2012
Agosto 2012
Julho 2012